Samba e cinema fecham a programação do 26FCV Itinerante

By 2 de fevereiro de 2020Sem categoria
Exibição do filme Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral e show do grupo Samba pras Moças fecharam a programação do evento

O público lotou a Praça São Sebastião, em Manguinhos, para conferir a última sessão da Rota Verão. Foto: Sérgio Cardoso – Acervo Galpão/ IBCA

A união do samba com o cinema. Foi esse encontro que a sexta sessão do 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante proporcionou ao público – estimado em 3000 mil pessoas – que esteve presente na última sexta-feira (31), na Praça São Sebastião, em Manguinhos, balneário da Serra, para a exibição de encerramento da Rota Verão.

A noite começou com a cantora Sanny Lys, apresentadora da noite, dando as boas vindas ao público. Na sequência, a plateia se divertiu com a comédia Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral, de Halder Gomes.  Sucesso de público e crítica, a comédia apresenta a difícil missão do protagonista Francisgleydisson, que precisa se reinventar, depois que seu Cine Holliúdy fecha as portas definitivamente em Pacatuba, no interior do Ceará.

A comédia “Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral” divertiu o público que compareceu ao balneário de Manguinhos. Foto: Sérgio Cardoso – Acervo Galpão/ IBCA

O longa-metragem traz novamente Edmilson Filho e Miriam Freeland como o casal de protagonistas, além de novidades no elenco como os atores Milhem Cortaz e Samantha Schmütz, e as participações especiais de Chico Diaz e Roberto Bomtempo. Samantha Brasil, antropóloga, curadora e crítica de cinema, é a consultora na escolha desta programação.

Para o estudante Caio Machado, a sessão itinerante é importante para o fomento da produção audiovisual brasileira. “Para mim é um prazer estar tendo a oportunidade de estar tendo um cinema itinerante na minha cidade. Foi uma experiência incrível. Todo mundo assistindo, pessoas que talvez nem tenham tido a oportunidade de freqüentar o cinema, ou não tenham esse hábito, terem a oportunidade de ter acesso ao cinema”, afirmou ele que pretende estudar audiovisual.

Sorteio

Foram sorteadas três bolsas exclusivas do festival e uma bicicleta. Foto: Sérgio Cardoso – Acervo Galpão/ IBCA

Em todas as exibições do 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante, o público participou de sorteios de brindes exclusivos e de uma bicicleta. Em Manguinhos, os vencedores das três bolsas exclusivas do festival foram para Isaac Oliveira de Barros, Ana Paula Batalha da Costa Santana e Félix Dumas Santana. E o grande vencedor da bicicleta foi Thiago J. Justo. Parabéns aos ganhadores!

Samba pras Moças

Quem encerrou, com chave de ouro, a programação do 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante foi o grupo Samba pras Moças. O projeto reúne cinco cantoras que apresentam um recorte sobre o trabalho de grandes sambistas que fazem parte da história da música brasileira.

A animação do Samba pras Moças não deixou ninguém parado e encerrou a programação do 26FCV Itinerante. Foto: Sérgio Cardoso – Acervo Galpão/ IBCA

A apresentação começou com a mestra de cerimônias, Iamara Nascimento, fazendo um paralelo entre a alegria e a violência contra a mulher. Ela também faz a transição entre uma cantora e outra. A primeira música foi “Samba pras Moças”, na voz de todas as artistas.

Depois, durante uma hora, o público conferiu com as interpretações de Juana Zanchetta para o repertório de Alcione. Monique Rocha com a tradição de Clara Nunes. Dorkas Nunes revivendo o cancioneiro de Dona Ivone Lara. Tereza Cristina e o partido alto de Jovelina Pérola Negra; e Bruna Medeiros com a classe da grande Beth Carvalho.

A plateia cantou e sambou ao som de grandes clássicos como “Não Deixe o Samba Morrer”, “O Canto das Três Raças”, “Acreditar”, “Sonho Meu” e “Coisinha do Pai”. Um show repleto de alegria e intensidade como é a música e o cinema brasileiro.

Itinerância

Durante o mês de janeiro, entre os dias 10 e 31, a edição itinerante do 26º Festival de Cinema de Vitória percorreu cinco cidades do Espírito Santo para a seis sessões, a céu aberto com entrada gratuita, sorteio de brindes exclusivos e bicicletas, além de programação musical, e tendo um público estimado em 10 mil pessoas.

Em Guarapari aconteceram duas exibições na Praia do Morro. No primeiro dia o público conferiu a exibição do curta-metragem Monazi, realizado por cerca de 40 alunos de Escolas Estaduais e Municipais de Guarapari que participaram das oficinas de Realização em Cinema e Vídeo e Trilha Sonora, com execução da música do filme tocada ao vivo com a participação do oficineiro e músico Fábio Carvalho. Na sequência, o público se divertiu com a comédia Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral, de Halder Gomes.

Em Guarapari, o público conferiu a exibição do curta “Monazi”, que teve a trilha sonora tocada ao vivo. Foto: Sérgio Cardoso – Acervo Galpão/ IBCA

A 2ª noite do 26FCV Itinerante foi especial para a criançada. Os pequenos puderam conferir os filmes do 20º Festivalzinho de Cinema de Vitória. Foram exibidos oito curtas-metragens de diversas partes do Brasil. A seleção apresentou filmes que contam histórias presentes no cotidiano do público infantil, de temas como relações familiares, amizade, amadurecimento e brincadeiras.  

Nos balneários da Barra da Jucu, Guriri, Piúma e Manguinhos o público Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral, de Halder Gomes. A exibição na Barra contou a participação especial da Banda de Congo Raízes da Barra.

Em todas as exibições do 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante, o público participou do sorteio de brindes exclusivos e de bicicletas. Foram sorteadas, ao todo, seis bicicletas e 18 bolsas do festival. Parabéns aos ganhadores!

Além de levar cinema a céu aberto aos balneários capixabas, o 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante também levou a música para a estrada. Nas sessões de abertura e encerramento do projeto aconteceram apresentações na Tenda Musical, espaço de grande sucesso na edição do evento em Vitória.

Nos dias 10 e 11 de janeiro, o público conferiu, respectivamente, na cidade de Guarapari, os shows de Tunico da Vila e BatuQdellas. Marcando o encerramento do festival o grupo Samba pras Moças.

O 26º Festival de Cinema de Vitória Itinerante conta com o patrocínio do Ministério da Cidadania, através da Lei de Incentivo a Cultura, da ArcelorMittal, do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE, do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA e da Ancine. Conta com o copatrocínio da EDP e com o apoio da Rede Gazeta e da Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo através do Edital de Chamamento 05/2019. Conta também com o apoio institucional do Shopping Vitória. A Realização é da Galpão Produções e do Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA).

Galpão Produções

About Galpão Produções